Oi Pessoal,

Eu sei que vocês já sabem o resultado do Concurso Cultural QualificaSUAS, mas preciso divulgá-lo aqui também, mesmo que atrasado,  para garantir a informação para quem ainda não acompanha o Blog no facebook. (para Curtir a nossa página, Clique AQUI)

A cada concurso eu fico mais encantada com a participação dos leitores e das “fazedoras” e “fazedores” do SUAS. Devido o período de carnaval tivemos apenas uma semana para receber as inscrições – foram 112 Respostas, 107 válidas. Mas o período foi suficiente e até deu muito trabalho para pré-selecionar as 10 respostas finalistas. Ainda bem que tive a ideia de contar com a participação de vocês para escolherem as 05 ganhadoras – minha avaliação dessa metodologia foi muito positiva, o que vocês acharam?

Como disse no texto de lançamento do concurso e na Fan page, propor maneiras de interagir com os demais profissionais do SUAS me deixa muito contente, porque acredito que seja uma forma de multiplicar e fortalecer a luta por um SUAS com mais qualidade, para os trabalhadores e para os usuários.

Agradeço a todos que pararam um tempinho para preencher o formulário e responder a nossa pergunta! e mais agradecimentos a todas e todos que marcaram presença a semana toda na fan page para votar na melhor resposta do dia!!!

 Muitos agradecimentos a Cortez Editora e a Editora Vozes por disponibilizarem os livros aos ganhadores e por acreditarem também que o trabalho social pode e precisa ser mais qualificado e fortalecido!

Para saber mais sobre o Concurso, clique AQUI

Vou compartilhar com vocês as 10 Respostas pré-selecionadas e no final tem a relação das 05 ganhadoras!

PRÉ-SELEÇÃO – 10 FINALISTAS DO CONCURSO CULTURAL QUALIFICASUAS
  Resposta Participantes/ Formação

1

Sem dúvida alguma, a partir da experiência de minha atuação profissional, considero que duas providências são muito importantes e indispensáveis para a qualificação da atuação dos profissional nos programas e serviços do Sistema Único de Assistência Social (SUAS): Uma delas é alteração das grades curriculares dos cursos de graduação das profissões reconhecidas como trabalhadores do SUAS pela Norma Operacional Básica de Recursos Humanos (NOB RH 2006), atualizada pela Resolução do Conselho Nacional de Assistência Social (CNAS) n° 17̸2011), tornando a assistência social uma disciplina obrigatória e específica nos cursos de graduação. Outra providência é a realização de concursos públicos específicos para a área da assistência social nas gestões municipais independente de porte populacional dos municípios. As duas providências supramencionadas se justificam principalmente pelo fato de que os trabalhadores do SUAS atuam com a garantia de direitos, e as respectivas alternativas de superação da violação destes, relacionados à “pessoas, famílias, seres humanos”. Sendo assim, há que haver um desejo, uma mobilização pessoal do profissional para inserir nesta política pública, o que talvez, só desta forma possa definir e fortalecer a identidade destes profissionais.

Ana Paula Pereira Flores

Direito

2

Para um prática de qualidade faz-se necessário o conhecimento teórico, prático e a efetiva participação política. Somente desta forma penso que o profissional terá condições de superar o período de queixas e achismos para conseguir ofertar de forma qualificada um adequado atendimento as famílias ao mesmo tempo em que lutam pela efetiva implantação do SUAS.

Debora Elianne Rodrigues de Souza

Psicologia

3 São várias as questões que permeiam o trabalho técnico a fim de desenvolvê-lo com qualidade como: qualificação profissional, formação continuada, boas condições de trabalho, entendimento da política, rompimento com o assistencialismo, apoio da gestão…entretanto, me focarei na necessidade de se entender as três dimensões que envolvem o exercício do trabalhador: técnico-operativa, teórico-metodológica e ético-política. Há de se conhecer, entender e problematizar constantemente o significado das mesmas e transcender esses conhecimentos para a prática, articulando-os em busca de uma sociedade que seja, de fato, mais justa e possível diante de um sistema tão desigual do qual nós, trabalhadores do SUAS, também fazemos parte!

Débora Nunes Abreu

Serviço Social

4

Acredito ser necessário um maior apoio da parte do poder público. Um dos maiores obstáculos encontrados no dia a dia é a falta de suporte ( matérias de expediente, carros para visita, local adequado para a realização de atividades para o enriquecimento do trabalho e etc). A maioria dos equipamentos sociais é composto por  uma equipe bem prepara. Porém esta equipe não tem ferramentas necessárias para a realização de um trabalho emancipador e que contribua para a equidade de direitos.

Juliana Alves do Nascimento

Serviço Social

5

É necessário transformar o conhecimento e agregar novos elementos sempre. Não há possibilidade de desenvolver um trabalho de qualidade sem abertura para o diálogo e disposição para troca de experiências. É preciso estar disposto a escutar o outro e fazer a análise constante dos métodos e metodologias utilizados, monitorando e avaliando a práxis. Assim como em outros espaços, é necessário que saibamos receber as críticas construtivas para melhorar nosso desempenho. Buscar elementos teóricos que possibilitem a melhora da dinâmica do serviço, humanizando-o e fazendo com que o usuário crie referência, vínculo com o serviço, confiança para que consigamos instigá-lo na promoção de suas potencialidades, auxiliando seu fortalecimento e empoderamento. Caminhar junto, ouvir o que a comunidade tem a nos dizer, envolvendo todos no processo. Independente do serviço, a construção só é possível se os pensamentos e o fazer forem a soma do coletivo. O essencial, além da imprescindível busca pela teoria, é o amor com qual o profissional desenvolve o seu trabalho e a crença de que pode provocar mudanças.

Alessandra Kelly  Belmonte

Psicologia

6

O Atual cenário da Assistência hoje coloca em evidencia a necessidade de capacitações que apontam para a superação de práticas conservadoras e visem o desenvolvimento de técnicas que tenham como objetivo a melhoria na qualidade de vida das famílias na garantia e defesa dos seus direitos. O comprometimento Técnico deve ir além do que os municípios podem oferecer refletindo o princípio de autonomia e participação de que todo cidadão pode fazer sua parte na defesa e garanta dos direitos.

Andressa Alves Dias Barbosa

Serviço Social

7

Os profissionais do SUAS devem buscar constantemente o aperfeiçoamento e a capacitação, visando a melhoria do atendimento. Embora, ainda tenhamos dificuldades, precisamos estabelecer laços de discussão entre os trabalhadores de todos os setores, visando o trabalho em rede, pois sozinho o técnico dificilmente alcançará o objetivo maior que é o bem estar da população, de forma técnica, ética e com a qualidade necessária, já que o usuário, muitas vezes, é encaminhado e não é atendido de maneira adequada. Portanto, atuação conjunta entre todas as políticas, e não somente a de assistência social, bem como a busca constante pelo aprendizado, são os principais pontos necessários para que o profissional do SUAS atue com qualidade.

Fernanda Bathke

Psicologia

8

O técnico social deve agir com responsabilidade social, analisando crítica e historicamente a realidade política, econômica, social e cultural. É fundamental a busca por informações e qualificação, visando uma compreensão mais integral das situações que se apresentam em nossa prática. Além disto, é indispensável a postura ética e a implicação do profissional em todos os âmbitos do seu trabalho, tanto no atendimento ao usuário, quanto nos espaços de controle social, articulação com a rede e gestão do serviço em que se encontra.

Jessica Wait da Cruz

Psicologia

9

Conhecimento da legislação para compreender a natureza dos programas e serviços, o público atendido e as ações executadas, ter uma escuta ativa, respeitar e compreender as vivências expostas pelas famílias e/ou usuários atendidos para se colocar a disposição das necessidades e superação das mesmas.

Eliane Melnic Vieira

Psicologia

10

É imprescindível que a gestão compreenda a importância da efetivação e o aprimoramento da política de assistência social. Logo teremos autonomia, teoria, prática, criatividade, responsabilidade e principalmente ética para atuarmos nessa Política tão abrangente, complexa e um tanto transformadora.  A qualidade do nosso trabalho será alcançada após atuarmos de maneira planejada, articulada com outras políticas públicas, sociedade civil e comunidade em geral, também quando tivermos um olhar diferenciado, sensível, aos problemas (tantos) vivenciados pelos usuários dos serviços e/ou aqueles que ainda não são, por causa da falta de informação, pela falta de alento, de oportunidade, de carência (tantas), do se sentir invisível aos olhos do poder público e da sociedade. Temos de nos despir dos preconceitos, do “apontar o dedo”, de tentar ridicularizar o outro, de ter razão, de saber resolver o problema do outro, de invadir o espaço privado e de maneira imperativa tentar mudar sua rotina. Assim, iniciaremos o processo de atuar com qualidade para colaborar na concretização da cidadania plena.

Alice de Oliveira Luna

Serviço Social

Resultado final imagem concurso SUAS

Um abraço de agradecimento a todos e até o próximo!

Sucesso nos estudos para as ganhadoras 😉

#QualificaSUAS

Anúncios